Quem somos

          Implantado em novembro de 2007, o projeto Judô na Faixa tem a finalidade de integrar crianças, a partir dos cinco anos, cujas famílias possuem baixa renda, ao judô. O Judô na Faixa possui foco na melhoria do entretenimento saudável para comunidades da periferia de Sorocaba, através de atividades físicas e de acompanhamento escolar e familiar dos alunos.

         O projeto também investe no desenvolvimento das habilidades e das capacidades específicas do aluno, preparando-o para uma convivência harmônica em seu ambiente social, estimulando ainda o seu interesse pela competição sadia. 

         Os objetivos propostos pelo Judô na Faixa vêm contribuindo para a formação de crianças e jovens, garantindo-lhes uma oportunidade de vivenciar atividades que contribuem para o seu desenvolvimento bio-psico-social.

Funcionamento

         Para atingirmos os objetivos do projeto, investimos em aulas, ministradas duas vezes por semana em dois períodos diferentes para 300 alunos de ambos os sexos. Dessa forma focamos em:

• Socialização;

• Educação;

• Disciplina;

• Filosofia;

• Formação Pessoal;

• Saúde;

• Lazer;

• Esporte;

• Desenvolvimento Corporal, e

• Responsabilidade.

História do Esporte

              O judô foi criado pelo japonês Jigoro Kano, que era pequeno e fraco, e, começou a praticar Ju-Jitsu aos 18 anos. Depois de algum tempo, observou que suas técnicas poderiam ter um valor educativo. Seu objetivo era transformar aquela tradicional arte-marcial num esporte que pudesse trazer benefícios para o homem.

              Criou então um método próprio, a que chamou de judô, eliminando os golpes que poderiam provocar lesões. Com esta adequação educacional o judô foi transformado em disciplina de educação física nas escolas. Em 1882, o professor Jigoro Kano fundou o Instituto Kodokan, marcando também o nascimento do judô.

            O judô é destinado à formação e preparação integral do homem através das atividades físicas de luta corporal e do aperfeiçoamento moral. A palavra judô significa "caminho suave".

Depoimento

              “O judô me trouxe muita felicidade! Desde meus primeiros anos de vida dediquei-me ao esporte, primeiramente como uma brincadeira, depois como uma filosofia e uma lição de vida. A formação de meu caráter e a pessoa que sou, deve-se muito ao judô.

              Nada mais justo, como agradecimento a tudo que eu consegui junto ao esporte, que eu o divulgue e possa proporcionar para crianças, principalmente às carentes, uma oportunidade de alimentar um sonho: o sonho de poder aprender um esporte, vivenciar uma filosofia, ou, quem sabe, a realidade de sagrar-se um campeão”, afirma Vlamir Ferreira Dias Fundador do Judô na Faixa.